Buenas Prácticas

Rede Social de Angico, Peixe e Região

Área de trabajo: Desarrollo local

Em 2009, o Instituto Lina Galvani (ILG) iniciou o contato com o povoado de Angico dos Dias, localizado em Campo Alegre de Lourdes (BA) e realizou um diagnóstico. Entre os principais temas levantados pela comunidade, estava a falta de mobilização dos moradores na busca de melhorias para a região. Em um primeiro momento, por iniciativa própria, foi criada uma associação de moradores local. Para que mais atores fossem envolvidos no processo de busca de melhorias para a região, em julho de 2011 o ILG
apresentou à comunidade a possibilidade do trabalho em Rede. Diante do interesse demonstrado, em setembro do mesmo ano o ILG realizou uma capacitação para o trabalho em Redes Sociais Solidárias. A partir daí, foi constituída a Rede Social de Angico, Peixe e Região.

¿Como nasceu esta experiência?

Em 2009, o Instituto Lina Galvani (ILG) iniciou o contato com o povoado de Angico dos Dias, localizado em Campo Alegre de Lourdes (BA) e realizou um diagnóstico. Entre os principais temas levantados pela comunidade, estava a falta de mobilização dos moradores na busca de melhorias para a região. Em um primeiro momento, por iniciativa própria, foi criada uma associação de moradores local. Para que mais atores fossem envolvidos no processo de busca de melhorias para a região, em julho de 2011 o ILG apresentou à comunidade a possibilidade do trabalho em Rede. Diante do interesse demonstrado, em setembro do mesmo ano o ILG realizou uma capacitação para o trabalho em Redes Sociais Solidárias. A partir daí, foi constituída a Rede Social de Angico, Peixe e Região. 

¿Que problema procura ou procurou resolver?

A falta de mobilização dos moradores na busca por soluções de suas demandas e de melhorias para a região, como uma das principais questões trazidas pela comunidade em um processo de diagnóstico realizado pelo Instituto que, inicialmente, parecia sanada com a criação de uma associação de moradores mas que, com o tempo, demonstrou não ser uma solução "eficiente" no sentido de participação e representatividade comunitária.

¿Quais são ou foram as causas deste problema?

O uso político-partidário da associação de base, bem como a postura paternalista de órgãos governamentais que, diante de uma comunidade esquecida entre os estados do Piauí e Bahia, acaba reproduzindo um modelo assistencialista e de dependência. 


Iniciativa postulada Premio Transformadores 2015
Anterior Projeto Gerando Futuro
Siguiente Natura e Cajamar - a construção do relacionamento entre a empresa e seu entorno

Name:
Email:
Subject:
Message:
x

Reciba nuestro boletín mensual

Buscar buenas prácticas